sexta-feira, 27 de agosto de 2010

28 DICAS DE CORDIALIDADE PARA TORNAR O MUNDO UM POUCO MELHOR

Neste texto vou transcrever parte da minha leitura do livro “ De olho no cliente “, do capítolo “tenha boas maneiras “que achei interessante e pertinente para os dias de hoje. Vamos ao texto:

“ Infelizmente, vivemos num mundo em que a cortesia e a gentileza estão em processo de extinção: as pessoas não respondem mais aos e-mails, não retornam as ligações e, ocasionalmente, deixam de aparecer nos locais combinados sem qualquer explicação. Muitos nem sequer dizem “ obrigado “ quando alguém segura a porta do elevador ou dá a vez na escada rolante do metrô.

Ser educado, polido e cortês é muito simples. Basta tratar todo mundo – os clientes, inclusive – com respeito e dignidade. Não há nada complicado nisso. Essa é, na verdade, a base de qualquer sociedade civilizada. “

28 dicas de cordialidade:

1 – Ser pontual.
2 – Agradecer.
3 – Dar passagem aos outros.
4 – Abrir portas para os outros.
5 – Responder a cartas prontamente.
6 – Ligar de volta como prometido.
7 – Manter uma boa aparência. ( por incrível que pareça mas manter e cuidar da aparência é questão de educação com o outro ). Grifo meu.
8 – Oferecer-se para carregar o embrulho de alguém.
9 – Ser polido e cortês em todos os momentos.
10 – Fazer elogios sempre que possível.
11 – Manter as pessoas informadas do que está acontecendo.
12 – Não interromper os outros.
13 – Ouvir atentamente o que os outros tem a dizer ( e prestar atenção ).
14 – Oferecer alguma bebida ( até mesmo um copo d’agua ) no momento apropriado.
15 – Perguntar sempre ao outro “ Como vai?”.
16 – Dizer “ por favor “ e “ obrigado “.
17 – Responder a todos os e-mails. ( com isso você está dizendo a pessoa que ela é importante para você ). Grifo meu.
18 – Oferecer assento às pessoas.
19 – Dar calorosas boas-vindas.
20 – Servir café a um cliente.
21 – Guardar o casaco das visitas.
22 – Permitir que as pessoas passem primeiro.
23 – Levar a visita até à porta na hora de ir embora.
24 – Manter contato visual com as pessoas quando estiver falando.
25 – Colocar-se à disposição do cliente para executar algo que ele está tentando fazer e não consegue por algum motivo.
26 – Desligar o celular nas reuniões.
27 – Nunca agir de forma inconveniente ( com observações maldosas ou olhares hostis ).
28 – Apresentar aos outros a pessoa que é nova no grupo.

Fonte: Livro De olho no cliente, autor David Freemantle, pgs. 38 e 39.

Penso que ninguém um dia vai ser diplomado em boa educação. Boas maneiras e educação é um processo diário de auto conhecimento, de auto avaliação para que possamos sempre lembrar das boas atitudes e aplicarmos no nosso dia a dia. É certo que os tempos estão cada vez mais áridos, intransigentes, nervosos e estressantes. Mas necessário revisarmos nosso manual de conduta que é nossa ética apreendida por tudo que já recebemos de nossa família, amigos, igreja e a sociedade em geral. Muito se escreve hoje em dia para que funcionários se aprimorem no trato com os seus clientes, consumidores e parceiros. Eu sempre digo que os maiores clientes são nossos amigos, nossa família, nossos vizinhos e os desconhecidos que encontramos no dia a dia. Somos todos clientes de todo mundo neste vasto mundo que interagimos.

Boa sorte

Livingston Streck

Nenhum comentário:

Postar um comentário